Implante Dentário e Enxerto Ósseo : Preciso Fazer os Dois?

Implante Dentário e Enxerto Ósseo : Preciso Fazer os Dois?

Implante Dentário e Enxerto Ósseo : Preciso Fazer os Dois?

Enxerto ósseo dentário: será que preciso fazer ?

Essa duvida é muito comum, e causa uma certo medo nos pacientes que perderam seus dentes e querem fazer um implante dentário.

Existe um certo preconceito em relação a esse procedimento ,uma vez que as pessoas não sabem como funciona e de que forma ele é feito,sendo assim acabam adiando seu tratamento de implante.

Diante disso,vamos esclarecer algumas dúvidas em relação ao enxerto ósseo dentário.

O que é o enxerto ósseo e como funciona ?

Após extração do dente, há uma remodelação óssea. Ocasionando assim um estreitamento e diminuição da altura óssea. O uso de prótese removível, pneumatização do seio maxilar, são alguns fatores que causa a perda óssea. As vezes ate comprometendo a instalação de implante. 

O transplante ósseo, conhecido também como enxerto ósseo dentário, é um procedimento que requer conhecimento e experiência, devido à sensibilidade da estrutura. O enxerto são estruturas ósseas que serão adaptados, servindo para preencher os espaços que necessitam de osso, para posteriormente a instalação do implante.

Existem quatro tipos de enxerto ósseo dentário:

Enxerto Autógeno – Onde o osso é retirado do próprio cliente, podendo ser da região

oral ou de outras regiões do corpo.

Enxerto Homógeno – São ossos adquiridos no Banco de osso, onde são coletados de outros indivíduos que são doadores.

Enxerto Heterógeno – Quando originados de outras espécies. Exemplo: bovino.

Enxerto Aloplástico – Quando suas origens são completamente sintéticas.

Em quais casos se justifica a realização de uma cirurgia de enxerto ?

Quando há uma perca óssea extensa, onde não há possibilidade de instalação do implante, haverá a necessidade de enxerto ósseo para fixa-lo.

Fixa- lós e assegurar a longevidade do mesmo.Em alguns casos haverá a necessidade obrigatória do enxerto ósseo. Onde não há possibilidade nenhuma da instalação do implante. Seja ele curto e ou estreito.

Quais são as causas negativas podem ocorrer se um implante for feito sem esse procedimento?

O implante com pouca estrutura óssea ao redor, pode acabar ocasionando perca do implante, seja imediata ou em longo prazo, devido a carga mastigatória.

Pode também ocorrer exposição parcial do implante, comprometendo a estética.

Como é feito o procedimento ?

O procedimento consiste em anestesia local, preparo do leito receptor, preparo da estrutura óssea, sendo ela em bloco ou particulado. Servindo para o preenchimento do espaço, que necessita do enxerto. E manipulação dos tecidos gengivais e sutura.

Cuidados após o enxerto ?

Os cuidados devem seguir os padrões de uma cirurgia, como qualquer que seja o tipo.Tomar os medicamentos receitados, fazer compressas com bolsa térmica, dar preferência para os alimentos pastosos e líquidos, nas primeiras quarenta e oito horas repouso e não fazer esforços físicos.

Quanto tempo de recuperação?

O pico máximo de inchaço pode levar ate setenta e duas horas, mais isso pode ser reduzido com os cuidados recomendados. À volta a rotina normal vai depender do tamanho da cirurgia, podendo levar de dois até sete dias de atestado.

Quando será realizado o implante dentário?

A segunda etapa dos implantes deve ser aguardada por um período de oito meses. Isso vai dar tempo para as células ósseas, formarem um novo osso na região do enxerto.Inclusive,você pode planejar o seu implante através desse PASSO a PASSO aqui:

Será que você precisa fazer o enxerto?

A única forma de descobrir se você precisa ou não realizar um enxerto ósseo antes da cirurgia de implante é fazendo uma consulta de avaliação.Por isso,oriento fortemente que você agende sua consulta e não adie mais algo tão simples.

E mais,talvez a cirurgia de enxerto não seja necessária e o tratamento de implante pode ser realizado com maior rapidez

Para maiores informações,entre em contato conosco .Ficaremos felizes em atende-lo.

Forte abraço

Facebook Comments
Alexandre Voltolini

Alexandre Voltolini

Dr. Alexandre Voltolini, natural de Blumenau, graduado em odontologia na Universidade de Blumenau – FURB. Pós-graduado em Ortodontia e especializado em Implantodontia.
Alexandre Voltolini

Você também pode gostar:

2 thoughts on “Implante Dentário e Enxerto Ósseo : Preciso Fazer os Dois?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *